• Portugues
  • English

Brasil BRIC mais bem colocado em ranking de progresso social

Estudo internacional aponta que o Brasil é o BRIC – grupo de países que também inclui Rússia, Índia e China – que aprenta o maior desenvolvimento social. Com um total de 69,97 pontos, o Brasil ficou em 46° no ranking geral. O Índice de Progresso Social (IPS) analisou 50 parâmetros relacionados a qualidade de vida de 132 países.

Os outros países do grupo ocuparam as seguintes posições: Rússia em 80° lugar, Índia em 102°, China com o 90° e África do Sul em 69°.

O indicador mais bem avaliado no Brasil foi Liberdade e escolha Pessoal, alcançando o 27° lugar. O país também obteve resultados de destaque em Tolerância e Respeito (33°) e Acesso ao Conhecimento Básico (38°). O pior resultado brasileiro foi no item Segurança Pessoal, com a 122ª colocação.

O topo da lista ficou a Nova Zelândia, com 88,24 pontos – as notas variam de 0 a 100. Em seguida, aparecem Suíça, Islândia, Holanda, Noruega e Suécia. Dos dez primeiros colocados, sete são da Europa – os outros dois são Canadá e Austrália. O Chade, na África, ficou com a última posição com um total de 32,60 pontos.

Além do Brasil, outros países da América Latina e do Caribe superaram as expectativas, apresentando índices mais elevados do que o esperado, principalmente em aspectos como Nutrição e Cuidados Médicos Básicos e Acesso ao Conhecimento Básico. O país mais bem-sucedido da região foi a Costa Rica, que ficou em 25° lugar, seguido por Uruguai (26°), Chile (30°), Panamá (38°) e Argentina (42°).

da equipe WBB